Candidaturas para Bolsas de Investigação “Cidade e Arquitetura” prolongadas até 1 de junho

“Cidade e Património Arquitetónico do Séc. XX: 1910-1999” é o tema do Programa de Bolsas de Investigação na Área da Cidade e da Arquitetura.

Podem candidatar-se a este Programa, Jovens Arquitectos com inscrição válida na Ordem dos Arquitectos portuguesa, enquanto membros efectivos, cujo ano de nascimento seja posterior a posterior a 1985, inclusive (com idade até aos 35 anos).

As candidaturas podem ser individuais ou em grupo de até 3 elementos.

Vários Municípios Portugueses constituíram-se como parceiros deste Programa Nacional que mantém especial enfoque no papel da Arquitetura na protecção e preservação do património cultural nacional com a realização de um trabalho inédito de investigação técnica e científica nas áreas da Arquitetura e/ou Património, a saber: Cascais, Funchal, Mafra, Matosinhos, e Santa Maria da Feira.

O Programa Millennium – Bolsas de Investigação “Cidade e Arquitetura” consiste no apoio ao desenvolvimento de estudos técnicos e científicos inéditos que demonstrem a singularidade e a excelência do Património construído no Séc. XX, contributo relevante para o enriquecimento da carta patrimonial dos Municípios, apoio à Inventariação do Património Arquitetónico do Séc. XX, contributo no traçar de estratégias de salvaguardar do património, participação na criação de novas e inovadoras rotas e circuitos turísticos e culturais e facilitação da empregabilidade territorial dos jovens.

As candidaturas estão abertas até 01 de junho de 2020.

Consultar mais informações em fjuventude.pt

UA-40534803-1